correr, comer, beber…repetir!

esta seria a descrição de um dia perfeitamente bem perdido….mas, tal como o dia de Natal, se o repetíssemos muito, a emoção desvanecia-se e perdia-se um bocadinho do interesse…

ok, não é verdade!
só não corro todos os dias porque às vezes não tenho tempo e outras vezes chove; e como comer e beber são necessidades básicas, como e bebo,  e quando corro (quase todos os dias), tenho um dia perfeito 😀

mas de vez em quando há uns dias ainda mais perfeitos do que todos os dias em que corro…
são aqueles dias em que corro em companhia dos amigos, aqueles que me fazem ir mais além, em quilómetros e em superação pessoal 🙂
aqueles dias em que os amigos são, realmente, uma espécie de família de adoção…
em que celebramos essa família com uma festa, com boa comida e melhores bebidas 🙂

colagem2
(foto central de Paula Proença)

este fim de semana foi assim, uma festa de running!
fomos (ou fizemo-nos? : ) ) convidados para um trail natalício seguido de almoço by the pool na casa de um dos runners do grupo que tem estado longe e que por acaso é produtor de vinho 🙂
há lá melhor combinação do que esta? corrida, comida, bebida e muitos amigos?
depois de 12 kms de sobe, desce, cruza ribeira, salta a poça e outras aventuras num dia magnífico de frio e sol no campo, partilhámos as iguarias que cada um levou acompanhadas pelo vinho do anfitrião, Raya 🙂

colagem3

eu levei duas manteigas aromatizadas – cogumelos e vinho do Porto, azeitonas e anchovas –  e duas bolas e um rolo de queijos – queijo creme e da ilha, um envolto em romã e outro envolto em amêndoa laminada e ainda um chévre envolto em pistáchios e bacon estaladiço*!

colagem4a
a manteiga de cogumelos, muito equilibrada, estava melhor no dia seguinte quanto estabilizou; a de azeitonas e anchovas é gordura, sobre gordura e mais gordura 😦
para acompanhar tanto creme fiz duas tranças**, uma com clementina e pinhões e outra com cranberries/arandos, amêndoa e flor de hibisco…sem dúvida, vou repetir a de clementina! fragrante!!

colagem5
ainda levei malassadas, para variar das tradicionais filhoses, mas ao abrir a caixa espalhei-as pelo chão e só sobraram 3 😛

corremos, comemos e bebemos…repetimos? 😀

* da revista de natal da Bimby…mas não fiz a mistura de queijos sugerida! “descasquei” um rolo de chévre e enrolei-o na mistura de bacon estaladiço e pistáchios 🙂
**sobre a receita de trança do livro base, usei as sugestões das receitas dos links e improvisei 🙂

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s