micro-ondas, mega uso

se há eletrodoméstico que se enfiou nas nossas casas com facilidade e por lá ficou foi sem dúvida o micro-ondas (que antes do AO* se escrevia microondas…)

segundo a minha filha Rita, a aplicação das micro-ondas ao uso doméstico, deve-se à descoberta casual, por Percy Spencer, de que o chocolate no seu bolso tinha derretido enquanto realizava uma particular experiência científica em que eram produzidas micro-ondas, verificando que estas aumentavam a temperatura interior dos materiais, sem aumentar a temperatura exterior…

ciência à parte, este artigo é sobre como dar mega uso ao forno micro-ondas…é que hoje na minha visita matinal ao blog apartment therapy, dei com um artigo que (uma vez mais) nos propõe rentabilizar os equipamentos que já temos e assim evitar comprar outros ou gastar dinheiro em processos elaborados para fazer coisas simples, tais como:

  • pipocas sem saco, sem fogão, sem óleo…só mesmo com o milho! – difícil? não!
    basta colocar o milho numa taça que possa ir ao micro-ondas (pyrex, por exemplo) e tapá-la com uma tampa própria para micro-ondas (daquelas de plástico) ou ainda mais simples..com um prato cerâmico!
    se usarmos o prato temos é que colocar o prato desencontrado com a taça, isto é, deixar uma abertura para sair o vapor produzido (senão o prato salta com as pipocas 🙂 )…
    e o que se ganha com isso? €€€€, porque os saquinhos de pipocas que vão ao micro-ondas e que parecem tão baratos saem sempre mais caros do que comprar o grão do milho; também se ganha em personalizar a experiência, até porque só se encontram com facilidade pipocas temperadas com sal ou com açúcar…por isso se quisermos temperar com piri-piri, ou com caril, ou com manteiga que é mesmo manteiga, podemos fazer nós todo o processo, sem sujar, nem complicar…
    o tempo é o mesmo do que se usa para os pacotes!

  • espuma de leite – requer algum exercício físico, mas é muito mais barato do que comprar uma daquelas máquinas XPTO
    processo? usar uma caneca ou um frasco com tampa, agitar o leite no frasco durante +- 30 seg. (o exercício físico…), colocar o frasco sem tampa no micro-ondas durante 30 seg. e já está!

  • esterilizar o esfregão da loiça – parece que, segundo revelam alguns estudos, os esfregões da loiça são verdadeiras culturas de micro-organismos pouco ou nada saudáveis…
    aliás, num vulgar esfregão doméstico podem encontrar-se exemplares de espécies tão exóticas como salmonella, E.coli, campylobacter, clostridium perfringens  e staphylococcus,  os principais responsáveis pelas intoxicações alimentares
    e como podemos resolver o problema? é tão simples como colocar o esfregão húmido (seco pode arder) no micro-ondas durante 2 minutos na potência máxima e garantimos a eliminação de 99% dos micróbios!
    se lhe juntarmos um pouco de sumo de limão ainda fica a cheirar bem :)…mas cuidado que sai muito quente!

* AO – acordo ortográfico

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s